sexta-feira, 12 de dezembro de 2014

Namoradinhos que arruinaram a minha definição de namoro para sempre

Definição para namorados de TV: Esses personagens incrivelmente perfeitos que namoram raparigas perfeitas (mas que secretamente fantasiamos que nos estão a namorar). Sim, não és a única que faz isso.

Admitam, este tipo de amor por personagens de tv já te atingiu pelo menos uma vez na vida. E é totalmente natural apaixonares-te por personagens de  ficção. Totalmente.

É também totalmente natural pensar em vários namorados de diferentes séries de diferentes canais. Por muito que nos doa o corpo admitir isso, esses rapazes são fictícios. Pacey não te vai responder às mensagens, Seth Cohen não te vai ligar, e tu não vais gastar o teu sábado à noite com Zach Morris na discoteca da moda. O que acontece na realidade, é que esperamos que os rapazes da vida real ajam como os namoradinhos da TV. E então nós ficamos incrivelmente confusas porque os homens reais não irão correr para nossa casa enquanto estiver a chover, ou confessar o seu amor através do sistema de som da escola, ou arriscar as suas vidas por nós quando corremos perigo. Por muito que desejemos que até poderiam, não podemos comparar os homens reais com os seus homólogos da ficção. A luta é real, e é uma luta que temos de viver a cada dia.

Aqui estão apenas alguns dos melhores namorados de séries de televisão dos quais nunca teremos uma chance com, nunca. Vamos concordar em não lutar por esses caras, senhoras. Há episódios suficientes para ir ao redor, mas é seguro dizer que poderia ter arruinado um namoro real  para nós.

Pacey Witter, Dawson’s Creek 

Havia algo mais belo e verdadeiro na história desta série do que o amor entre Pacey e Joey? Pacey foi a mistura certa de paixão e pateta, e por isso tão romântico. Ele desafiou Joey, ele apoiou Joey, ele respeitava Joey, e ele passou o verão perfeito com ela em "True Love". 

Jordan Catalano, My So-Called Life 

Jordan Catalano é o caso perfeito de namorado de televisão de que as lendas são feitas. Quem poderia culpar Angela para cair de cabeça para o rapaz calmo que vestia camisas de flanela perfeitas, a profundidade inesperada, e o check-in louco dos '90s homem gargantilha? Definitivamente, não nós. Jordan Catalano foi protagonizado por um homem quase perfeito: Jared Leto. Factor em que Jordan Catalano cresceu para ser Jared Leto e é tudo bom demais para ser verdade.

Nick Miller, New Girl

Nick até pode ser um pouco o típico homem-criança, mas é uma das muitas, muitas coisas que o torna tão infinitamente amável. Claro que ele prefere gastar toda a sua vida no sofá do que, literalmente, em qualquer outro lugar, mas a forma como ele olha para Jess, é o suficiente para nos fazer acreditar no amor, mesmo o amor sofá. 

Ted Mosby, How I Met Your Mother

Queres o amor de Ted Mosby por todos os seus longos gestos românticos, ou não podes ficar com Ted Mosby devido aos seus grandes gestos românticos. Onde quer que te encontres na escala de Ted, tens que admitir que o rapaz tem um jogo intenso. Então, quando disse a Robin que a amava na primeira saída? Ele roubou-lhe uma corneta azul também. E não vamos esquecer o único e grande momento de Ted Mosby durante a saída de 2 minutos com Stella.

Jim Halpert, The Office

Nenhum casal de televisão nos fez acreditar com mais firmeza na santidade ou romance de escritório do que Jim e Pam. Num escritório cheio de palhaçadas, Jim é um farol luminoso de esperança. O seu romance é também um grande lembrete de que, por vezes, o cenário para o amor é definido por uma amizade incrível. Quero dizer, estes dois passam anos como amigos antes mesmo de testar as águas românticas. E valeu totalmente a pena esperar.

Seth Cohen, The O.C. 

Seth Cohen começou com o arquétipo de namorado de tv: o rapaz nerd tornou-se num galã absolutamente hilariante e inesperado. Ele amava a Summer desde o início. Impossível resistir ao charme de nerd aparvalhado do Seth. 

Chuck Bass, Gossip Girl

Já houve um namorado de televisão tão suave como Chuck Bass? Não. E provavelmente nunca haverá um igual a ele nunca mais. Toda a gente sabia que ele era um bad boy, até Blair sabia. Mas, havia algo sobre ele que nos manteve - incluindo Blair - voltando mais do que uma vez. Talvez seja simplesmente a maneira como ele costumava dizer: "I'm Chuck Bass."

Brandon Walsh, 90210 

Como é que alguém consegue viver sendo o Brandon Walsh? Quero dizer, quando caimos de amor por ele, era para ser um caso de longo curso. Brandon era o tipo de homem que te levaria para casa dos pais, e te impressionaria com actualizações sobre o trabalho que está a organizar na faculdade e sobre a sua forte ética de trabalho como funcionário do clube de praia. Talvez ele não seja tanto um bad boy como Dylan McKay, mas ele define o padrão de ouro do cavalheirismo nos anos 90. Ele era o tipo de rapaz que chamávamos quando precisava-mos de alguma coisa. E já mencionei aqueles olhos azuis de cristal?

Jess Mariano, Gilmore Girls

Jess foi sempre o símbolo de "bad boy" para Rory, e ele roubou os nossos corações ao longo do caminho, também. A coisa sobre Jess era que ele era realmente desafiado por Rory, e ela precisava desesperadamente disso. Mas, enquanto Jess foi muito bom para as coisas intelectuais, ele também foi realmente bom em faltar com tudo o resto. No entanto, até o final do programa, ele consegue agir em conjunto, escreve um livro, e professa o seu amor por Rory. 

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...