segunda-feira, 22 de setembro de 2014

Ela não é assim tão bonita...

Substitui a palavra "bonita" do título com um adjectivo à tua escolha: inteligente, engraçado, magro, etc. Levante a mão quem nunca tenha pensado assim ou dito até em voz alta, pelo menos uma vez na vida. Talvez uma rapariga tenha conseguido o teu emprego de sonho, ou o  namorado, ou, até mesmo o vestido que desejavas; talvez aquela miúda fosse simplesmente tua conhecida ou até mesmo a tua melhor amiga.

A inveja é, na realidade uma resposta muito natural quando algumas pessoas têm algumas coisas que queremos. Por vezes, até podemos ter trabalhado mais do que aqueles que receberam. Porque que ela recebeu aquela promoção quando eu fiquei a trabalhar até tarde todos os dias durante este mês? Porquê que  ele aceitou ter um encontro com ela quando ela não é assim tão bonita? A inveja consome-te, e se tu não a controlares, o mais certo é acabares por seguir um caminho incrivelmente auto-destrutivo.

Este fenómeno não é limitado apenas às mulheres, mas, de certa forma, sim,  aplicasse mais a nós. Durante séculos que nós temos interiorizado certos padrões sociais. Que tentaram convencer-nos que não somos bons o suficiente. Enquanto nós passamos a vida inteira a tentar provar que é errado, para superar. A luta está impregnada em nós, faz parte da nossa programação genética, e neste ponto, isso é justo. Além disso, um pouco de competição é saudável pode impulsionar a que sejamos melhores versões de nós mesmos. O problema surge quando nós, como mulheres, começamos a apontar o dedo. Uma coisa  é  ser cauteloso com o seu predador. E outra completamente diferente é quando o animal se transforma na sua própria espécie.

O nosso instinto inicial não é partilhar a alegria com os nossos colegas, amigos e conhecidos. Em vez disso, limitamo-nos a  fiscalizar, procurar defeitos e criticar.

Eu, pessoalmente, acredito no poder da positividade, não importa o quão hippie isso me faz ser. Todos os pensamentos e vibrações que tiver podem atrair ou repelir determinados tipos de energia. Não podemos crescer numa sociedade ou como seres humanos quando estamos a dedicar tanto tempo a pensar em determinados princípios que mais tarde ou mais cedo nos irão matar por dentro.  

Aqui está uma ideia que pode ser um pouco difícil de aceitar, mas que sempre podemos experimentar: uma vitória para um de nós é uma vitória para todos nós. A grande questão aqui é fazer com que, qualquer coisa que uma  colega de trabalho ou amiga  faça bem ou tenha ganho - mesmo que cause um pouco de inveja - se sinta apoiada, admirada e genuinamente entusiasmada  por parte das outras colegas do sexo feminino. Ao solidificar o vínculo entre mulheres e a recusar perder tempo e energia em falar mal de um e de outro, poderemos abrir um caminho para que possamos realmente trabalhar em conjunto. Mas também a nossa vida pessoal poderá mudar. Afinal, ele sente-se muito melhor quando tu te sentes bem, e livre de qualquer inveja e ciume. Caso contrario, no final do dia, a mulher que tens vindo a gastar  tanto tempo a odiar já está a meio da sua tarefa, enquanto tu estás parada a pensar nas tuas próprias emoções ilógicas.

Então, o teu amigo foi contratado para um trabalho que querias muito; a tua amiga do colégio casou com o teu namorado da juventude. E Então? Em vez de te recriminares, dá a volta à questão. Concentra-te em  encontrar prazer na felicidade dos outros e em saber que, independentemente das crenças que tenhas, o mundo tem uma maneira simples de resolver as coisas. Mesmo que não tenha sido como nós planeamos. O universo tem uma resposta para nos dar.  Não é por culpa de outra mulher que as tuas aspirações foram diferentes. Continua a trabalhar duro, continuar a acreditar em ti mesmo e no mundo ao teu redor. No mundo em que vivemos há espaço para mais de uma mulher incrível, e, tu sabes disso.

O que eu estou a dizer aqui não é novidade, nem será particularmente profundo - e não é para  ser. No entanto, é uma mensagem que facilmente esquecemos e somos incentivados a esquecer. Afinal, se gastamos tanto tempo em brigas ou a alimentar rumores, pode significar que nada vai mudar. Formar uma frente unida pode não resolver todos os nossos problemas, mas pode formar um escudo sólido para lutar com, e isso é óptimo para começar.
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...